ESCLEROSE MÚLTIPLA

A Esclerose Múltipla (EM) é uma doença auto-imune que se desenvolve a partir da combinação entre pré-disposição genética e a exposição a fatores ambientais desencadeantes.

 

Com caráter inflamatório e degenerativo, frequentemente na forma de surtos, atinge estruturas nervosas do cérebro e medula espinhal, podendo resultar em déficits neurológicos com recuperação parcial ou completa.

 

O sintomas da EM geralmente tem instalação progressiva em alguns dias e incluem:

  • Fraqueza em determinado seguimento do corpo, podendo ser acompanhada de redução da sensibilidade na região;
  • Dificuldade para andar;
  • Dificuldade de coordenação;
  • Borramento ou embaçamento visual em um ou ambos os olhos.

Além dos sintomas resultantes dos surtos propriamente dito, igualmente comuns são as queixas sistêmicas como:

  • Fadiga, cansaço ou indisposição extremos;
  • Depressão;
  • Dores musculares;
  • Espasmos dolorosos;
  • Intolerância ao exercício;
  • Sensibilidade aumentada as variações de temperatura.

O tratamento da EM vem passando por grandes avanços nos últimos anos, com estratégias medicamentosas para cada etapa da doença e resultados cada vez mais animadores tanto para prevenção de surtos, como no controle dos sintomas sistêmicos.

 

Atualmente dispomos dos seguintes tipos de medicações:

  • Injetável: existem medicações desde 1x/dia até 1 vez a cada 6 meses a depender do estágio e da agressividade da doença.
  • Oral: comprimido para tomada oral diariamente.

 

A nossa meta é viver cada vez mais, melhor e com qualidade de vida!

Últimas publicações do blog